Quando entrou em trabalho de parto, Laura sentiu dores nas costas.

O marido Kléber acionou o Samu e foi orientado de que poderia ser um sintoma de cálculo renal.

Laura deu à luz Nikolas, sem saber que estava grávida, em João Pessoa TV Cabo Branco/Reprodução O casal Laura Araújo e Kléber Bezerra foi surpreendido na última quarta-feira (1°) com a chegada de Nikolas, que nasceu antes dos pais descobrirem que estavam esperando pelo filho caçula, em João Pessoa.

Quando entrou em trabalho de parto, Laura sentiu contrações e dores nas costas e marido Kleber foi orientado pelo Samu de que poderia ser um sintoma de cálculo renal. Mesmo com a suspeita médica de que a esposa estaria expelindo o cálculo renal, Kléber insistiu por uma ambulância. "Eu fiquei mais tranquilo na hora, porém insisti que enviassem uma ambulância porque como ela não tava tendo condição de seguir comigo num alternativo, de alguma forma, na ambulância ela teria mais assistência.

Aí quando vi foi o grito, ela dizendo que tava sangrando", relatou Kléber. Kléber foi orientado pelo Samu que seria cálculo renal; Laura estava em trabalho de parto TV Cabo Branco/Reprodução Kléber retornou para o Samu, que já havia enviado uma ambulância.

Durante a espera, ele percebeu que Laura estava em trabalho de parto e não com cálculo renal. "Quando vi já era a cabeça dele saindo já, o topo da cabeça, os cabelinhos tudo molhado...

imagina o tremor na hora? O aperreio porque eu ali sozinho, ninguém próximo pra acudir a gente.

Vai ser eu e Deus mesmo", contou o pai de Nikolas. Laura, que já tem outra filha, foi socorrida pelo Samu e deu à luz Nikolas no Hospital Maternidade Cândida Vargas. "Não senti enjoo, não senti desejo, não senti nada.

Ao contrário da minha filha mais velha, dele eu não senti uma dor numa unha", explicou Laura. A falta de sinais fez com que o casal não desconfiasse da gravidez. "Ela engordou um pouquinho, devido à pandemia a gente fica em casa direto só comendo, assistindo televisão, a gente não tinha noção.

Na nossa primeira filha a gente teve todo o preparo...

ele não, ninguém nem percebia que ele tava ali", disse Kléber. De acordo com a ginecologista Wanicleide Leite, a gravidez silenciosa é rara mas é possível e algumas mulheres podem engravidar sem perceber nenhum sintoma durante a gestação. Kléber e Laura estão desempregados e com a surpresa, não conseguiram se organizar para a chegada do bebê.

O casal conta com a ajuda de doações para montar o enxoval de Nikolas. "Vai dar tudo certo, com certeza.

Só esse milagre dele nascer, nascer bem.

Com certeza vai dar tudo certo no final", concluiu Kléber. Mulher não sabia que estava grávida até o momento do parto, na Paraíba