José Inaldo Torres tinha 34 anos e foi atingido com um tiro na cabeça.

Trio preso como autores do assalto a um posto que resultou na morte do vigilante em Viana, no Maranhão Redes Sociais A polícia prendeu nesta segunda (29) três homens acusados de participar de um assalto a um posto de combustível que terminou na morte do vigilante José Inaldo Torres Sousa, 34 anos.

O caso aconteceu em Viana, a cerca de 215 km de São Luís.

Os três homens invadiram um estabelecimento no posto, assaltaram e depois efetuaram um tiro na cabeça do vigilante.

José ainda foi socorrido por moradores, mas morreu no hospital.

Motos, armas e carro apreendido pela polícia com os acusados de matar vigilante após assalto em Viana Divulgação/Polícia Militar Segundo a polícia, o assalto foi praticado com duas motocicletas roubadas, que foram abandonadas em um rua de Viana, às margens da MA-014.

Depois, os acusados tentaram fugir em um carro, mas foram perseguidos pela polícia e acabaram presos após uma batida e levados para a delegacia. Os acusados foram identificados como Maxwell Cardoso Rodrigues, Mateus Augusto Sousa Barbosa e Victor de Aguiar Silva.

Com eles, a polícia apreendeu três revólveres calibre .38, R$ 9 mil em dinheiro e o veículo, que havia sido roubado em São Luis na noite de sábado (27).